Virtual Mamoré

Virtual Mamoré

Saiba como economizar gás de cozinha durante o mês de julho

Constantes aumentos de preço do GPL, motivam consumidores a pesquisar melhor preço e a economizar o produto na hora de cozinhar; veja dicas






























 © jpG


POR AMANHECER DA NOTICIAS

O mês de julho é sempre marcado pelas férias escolares, período em que as crianças estão em casa, recebem os amigos e ficam muito ativas. Por este motivo, essa época também pode ser um pouco mais pesada para o bolso das famílias, pois inclui aumento nos gastos com alimentação, energia elétrica, água, entre outros itens cotidianos.



Outra despesa que também preocupa bastante os consumidores é a do gás de cozinha, um ítem que vem aumentando constantemente nos últimos anos. A última elevação do valor aconteceu no início de maio, com o acréscimo de 3,4% anunciado pela Petrobrás.



No entanto, muitas vezes, os consumidores acabam pagando muito mais apenas porque não pesquisaram, pois dependendo da região, o preço do botijão de gás varia bastante. Só na cidade de São Paulo, o produto pode ter preços com até 40% de diferença. De acordo com dados do aplicativo Chama, que conecta revendedores de botijões a consumidores, no Jardim Aurora, Zona Leste da cidade de São Paulo, por exemplo, o preço pode ter uma diferença de custo de até R$ 12: R$ 63 na distribuidora mais em conta e R$ 75 na mais cara.



O Chama é uma ferramenta que ajuda na hora de escolher o produto mais barato comparando os preços das distribuidoras de gás que estão mais próximas da residência do consumidor e permite pagar diretamente pelo app aplicativo. Além disso, todos os revendedores disponíveis no app, sem exceção, são autorizados pela Agência Nacional de Petróleo e por isso seguem as mais rígidas normas de qualidade e segurança. Este fato dá ao consumidor a garantia de estar comprando um produto em perfeito estado.



Economizando na hora de cozinhar



Durante as férias, a alimentação da família é um ponto que requer atenção dos pais, já que geralmente é um momento de quebra de rotina, não apenas com horários mais flexíveis, mas também em relação à comida. Afinal que criança não adora comer doces, sanduíches, frituras e sair um pouco do dia a dia de alimentação regrada e saudável?



É aí que entra a criatividade para estimular os pequenos a comer bem incluindo porções de frutas, verduras, legumes, grelhados e assados. Para isso acontecer vale de tudo: picar diferentes tipos de legumes, misturar cores; enfeitar os pratos e transformar os alimentos em pequenos super-heróis, animais ou paisagens.



Quanto à economia de gás, também é possível fazer com que o botijão de 13kg dure mais para dar conta das refeições dos pequenos durante as férias. Confira algumas dicas produzidas por especialistas do aplicativo Chama para economizar no uso do botijão de gás:



1 - Preaqueça o forno pelo tempo necessário: Alguns alimentos, como assados, requerem o preaquecimento do forno, mas não é preciso fazer isso por um longo período. Geralmente 10 minutos antes a 200 ºC fará com que a temperatura fique média e ideal para boa parte dos alimentos.



2 - Use panelas proporcionais à boca do fogão: O uso da panela deve ser equivalente ao tamanho da boca do fogão ou há desperdício de gás, pois parte do calor gerado acaba passando para o ar e não para a panela.



3 - Use o vapor: Enquanto cozinha outros alimentos, é possível utilizar o vapor do preparo colocando uma escorredeira metálica sobre a panela para cozinhar legumes.



4 - Atenção com as chamas: Se elas surgirem amareladas ou alaranjadas, é sinal que os bocais não estão funcionando devidamente - o que implica no maior gasto de gás. O ideal é que as chamas sejam azuis.



5 - Use a tampa da panela: O preparo de pratos como macarrão, por exemplo, permite que o cozimento seja feito com o fogo desligado ao usar a tampa. Para isso, basta deixar a água ferver, adicionar a massa, desligar o fogo e tampar.



6 - Forno fechado e cheio: Abrir e fechar a porta do forno muitas vezes é a receita para o desperdício de gás. Tente observar os alimentos utilizando a luz interna e, sempre que possível, asse mais de um alimento ao mesmo tempo.



7 - Corte em pedaços menores: Alimentos cortados em partes pequenas cozinham mais rápido, fazendo com que o gás seja menos utilizado.



8 - Celular na mão: Acabou o gás? Não esquente e use o aplicativo Chama, que é gratuito, para descobrir o melhor preço no seu bairro. Sua carteira agradece.



Seguindo as dicas acima e sempre comparando os preços das revendedoras de gás no app Chama, o valor do botijão de gás pode deixar de ser uma grande preocupação nesta época do ano, assim, sobra aquele dinheirinho para uma possível viagem ou aquele momento de lazer com a família.



Sobre o Chama



Disponível no Google Play e na App Store, o Chama é um marketplace que conecta revendedores de botijões de gás a clientes. Lançada em dezembro de 2016, a empresa reúne em um único ambiente mais de 2.000 revendedores regulamentados pela Agência Nacional do Petróleo (ANP). Em apenas alguns cliques o usuário pode solicitar o serviço oferecido pela empresa e escolher o fornecedor que mais lhe agradar - selecionando informações como: valor cobrado, tempo de entrega e marca do produto. O serviço está presente em São Paulo, Belo Horizonte, Curitiba e Porto Alegre.



 Apdif desenvolve aplicativos baseado em GeneXus para apoiar autistas


Nenhum comentário

Mais no Virtual Mamoré