Virtual Mamoré

Virtual Mamoré

Thiago Camilo e Bruno Baptista vencem a rodada dupla de Mogi Guaçu da Stock Car

(Foto: Duda Barros)


Pela primeira vez com pista molhada na etapa de Velo Città, a antepenúltima etapa da temporada da Stock Car teve emoção nas últimas voltas das duas corridas. O pole position Thiago Camilo traçou a estratégia e cumpriu o que prometeu no dia anterior: diminuir a diferença para os líderes, ao menos na rodada inicial. Com trabalho de equipe bem calculado e boa tática de troca de pneus na pista que começou úmida e terminou seca, Camilo conseguiu a quinta vitória do ano na primeira prova. Gabriel Casagrande foi o segundo, com Daniel Serra completando o pódio. Na segunda corrida, vitória inédita de Bruno Baptista, de 22 anos, que aproveitou problema no carro do pole position Átila Abreu e se emocionou com o primeiro título dele na Stock. Diego Nunes foi o segundo colocado, com Daniel Serra mais uma vez pontuando em terceiro e disparando na liderança do campeonato. Camilo acabou rodando na segunda rodada e perdeu a chance de encostar ainda mais nos líderes.

Na corrida 1, Felipe Braga assumiu a liderança da prova depois que Thiago Camilo e Gabriel Casagrande pararam nos boxes. Mas enquanto Camilo e Casagrande trocaram os pneus para pista seca, Fraga optou colocar pneus de chuva no pit stop e acabou perdendo posições nos minutos finais da prova. A cinco minutos do fim, Thiago Camilo ultrapassou Fraga e assumiu a liderança; duas voltas depois, Casagrande ganhou a segunda posição; Fraga também não conseguiu segurar Daniel Serra, que acelerou para garantir o terceiro lugar no pódio, e por fim acabou na sétima colocação.

Na corrida 2, Átila Abreu foi o pole position, mas a vitória inédita foi do jovem piloto Bruno Baptista, que participa pelo segundo ano da Stock. Bruno aproveitou problema de direção hidráulica no carro do pole position Átila Abreu e fez boa tática de pneus para conquistar seu primeiro título. Ele ultrapassou Ricardo Zonta a cinco minutos do fim, foi pra cima de Átila e superou Diego Nunes também, que ficou em segundo. Daniel Serra terminou em terceiro pela segunda prova seguida e passou a ser o líder isolado do campeonato.

- A gente sabia que precisava guardar pneu pro final, sabíamos que o carro ia ficar muito ruim se não fizéssemos isso. Eu vi que eles (Átila Abreu e Ricardo Zonta) puxaram muito no começo, o ritmo deles estava muito forte e eu achava que não ia ter pneu pra eles no final. E foi isso. Foi acabando o pneu deles e eu aproveitei as oportunidades - disse Bruno.

A penúltima etapa da Stock Car é em Goiânia, com rodada dupla no dia 24 de novembro.

Globo Esporte

Nenhum comentário

Mais no Virtual Mamoré