Virtual Mamoré

Virtual Mamoré

Rondoniense-2020 em números

Com o atraso de divulgação dos dados do campeonato rondoniense-2020, somente agora o Blog fechou em números as duas rodadas, e tem dados bem interessantes como no caso do Ji-Paraná FC e do União Cacoalense que conseguiram levar bons públicos aos seus jogos. Outras duas equipes surpreendem nesse quesito: Guaporé FC e o Guajará EC, aliás, o GEC é um caso a ser estudado, mesmo sem teto a equipe conseguiu colocar 628 pagantes em Nova Mamoré, dois dias antes do jogo.

Na parte disciplinar, considero muito alto o número de cartões vermelhos - seis nas duas rodadas, e 46 amarelos -, este número de amarelos subiu a média em virtude do jogo GFC 1 x 2 Vilhenense, onde o árbitro aplicou 10. Isso é trabalho pra nova CA/FFER.

Vamos aos números para as duas rodadas, 10 jogos no geral

- 5083 pessoas pagaram ingressos, proporcionando R$ 78.710,00 com média R$ 15,50;
- Os principais jogos: União 1 x 1 Jipa, com 1650(PP) e R$ 31.150,00; Jipa 2 x 2 Barça, com 829(PP) e R$ 12.990,00 e GEC 0 x 0 PVH, com 628(PP) e R$ 7.560,00.

Cartões amarelos
- foram 46 no total e média de 4,6; maior número no jogo GFC 1 x 2 Vilhenense (10 cartões) e PVH 2 x 1 Genus (6 cartões).

Cartões vermelhos
- foram aplicados 06 - até o treinador Tiago Batizoco já foi para o chuveiro mais cedo, e um atleta foi expulso no pós-jogo: Guilherme Ferreira Chiesa do Barcelona.

Uma reclamação em desfavor do estádio de Nova Mamoré; o árbitro relata que o vestiário da arbitragem é pequeno, sem chuveiros e água encanada. 


Nenhum comentário

Mais no Virtual Mamoré